FORD LANÇA VERSÕES ESPECIAIS DO 
FIESTA E MONDEO NO SALÃO DE PARIS

             A Ford apresenta no Salão Mundial do Automóvel de Paris, que será aberto ao público a partir de 25 de setembro, a nova família do Focus para o mercado europeu – que está sendo chamada de “La Collection Focus” – e também novos motores e modelos de outros veículos que em breve ampliarão a sua linha de produtos na região, em sintonia com as últimas tendências do mercado.  

            Entre as principais novidades incluem-se duas versões esportivas do Ford Fiesta, a ST, com motor Duratec 2.0 L de 150 cv, e a S, com a opção do novo motor Duratorq TDCi 1.6 a diesel, e a série limitada Titanium X do Ford Mondeo, também com novos motores a diesel ou gasolina. Esses lançamentos serão conhecidos durante o segundo dia do programa reservado à imprensa.

            O utilitário Ford Transit, que incorporou à linha mais um motor a diesel, de 280 cv, é um dos destaques da exposição paralela de veículos comerciais que acontece durante o evento. Veja, a seguir, um resumo das novidades.

 

Ford Fiesta ST, emoção e desempenho

            O novo Ford Fiesta ST, desenvolvido pelo TeamRS da Ford, divisão de veículos esportivos, tem como proposta conquistar os fãs do alto desempenho e da emoção, em uma faixa de preço mais acessível em relação às opções atuais existentes no segmento. Ele faz sua pré-estréia no salão e estará disponível para os consumidores europeus no final deste ano.

            Ele é equipado com o motor Duratec 2.0 L, de 150 cv, que garante uma dinâmica de condução sem igual, capaz de impressionar os entusiastas da direção esportiva, e promete oferecer também o melhor conjunto de equipamentos em sua classe. “O Fiesta ST é simplesmente tão divertido que quem o dirige nunca mais quer parar”, afirma Nick Collins, chefe de Projetos do TeamRS.

            O Fiesta ST junta-se à família do Focus ST170 e do Modeo ST220, com a proposta de unir alto desempenho e fácil utilização no dia-a-dia, além de custo acessível de aquisição, manutenção e seguro. Ele abre um novo caminho na história dos modelos ST (Sports Technologies) da Ford.

 

Ford Fiesta S, esportivo acessível

            A família do Ford Fiesta europeu ganha ainda outra versão esportiva, o Fiesta S (de Sport), espécie de irmão mais novo do Fiesta ST. O Fiesta S apresenta as mesmas características visuais e dinâmicas do seu irmão mais veloz, mas mantém uma personalidade própria, com chassi e sistema de suspensão diferentes. Ao lado desses atrativos, ele tem a vantagem de oferecer um preço mais acessível, que amplia a sua faixa de público.

            Baseado no Fiesta Hatch, ele conta com a opção de dois motores: o já existente Duratec 1.6 litro de 16 válvulas, a gasolina, com potência de 100 cv, e o novo turbodiesel Duratorq TDCi 1.6 litro, também de 16 válvulas e com intercooler, de 90 cv. O carro está previsto para chegar ao mercado no final do ano.

            O novo motor Duratorq TDCi 1.6, que irá equipar também o Fusion, faz parte da forte tendência observada atualmente no mercado europeu de expansão do uso de motores a diesel de pequeno porte. Esse subsegmento já responde por cerca de um quarto de todas as vendas de carros a diesel do segmento B no Reino Unido, Alemanha, França e Espanha.

            O Fiesta europeu conta também com a opção dos motores a gasolina Duratorq TDCi de 1.4 litro e Duratec, que com a chegada das novas versões passam a variar de 1.3 litro (68 cv) a 2.0 litros (150 cv), no modelo ST.

 

Ford Mondeo Titanium X, série limitada

            O Ford Mondeo reforça a sua consolidada presença no mercado europeu com a série limitada Titanium X, que se destaca pelo requinte e duas novas opções exclusivas de motores, movidos a diesel ou a gasolina.

            Concebido para aumentar a penetração da Ford no topo do seu segmento, o Mondeo com o novo motor Duratorq TDCi 2.2 litros, de 155 cv, oferece os índices mais elevados de potência e torque entre os motores a diesel de quatro cilindros da sua classe. O sedã de luxo ganha também mais uma versão a gasolina do poderoso motor Duratec V6, de 204 cv, derivado do Mondeo ST220.

 

Ford Transit, mais potência

            A linha Ford Transit apresenta dois novos motores e também uma nova transmissão de seis velocidades. O novo Duratorq TDCi 2.4 L, de 137 cv, topo de linha, é o motor a diesel mais potente que já equipou o modelo. Ele desenvolve a potência impressionante de 280 cv (a 2.000 rpm) e dá uma nova dimensão ao desempenho do veículo.

            Seu objetivo é atender à crescente demanda no mercado local por utilitários leves, de até 3,5 toneladas, mais potentes e refinados, capazes de realizar longas viagens através dos grandes eixos europeus. A linha Transit passa a contar também com o novo motor Duratorq TDDi de 2.4 litros, de 115 cv.

 

Coleção Focus

            A família do novo Focus europeu inclui modelos de três e cinco portas e a perua C-Max. É a primeira da Ford equipada com o novo motor Duratec Ti-VCT de 1.6 litro e 115 cv, que amplia as opções a gasolina, ao lado dos modelos 1.4 L (80 cv), 1.6 L (100 cv) e 2.0 L (145 cv), de 16 válvulas. A linha traz também os motores a diesel Duratorq TDCi common-rail, de alta pressão, 1.6 L (109 cv) e 2.0 L (136 cv), que combinam baixo peso, alto torque e baixo consumo de combustível.

            O modelo Duratorq TDCi 1.6 L oferece como opção a nova transmissão de variação contínua Durashift CVT, que pode operar em modo totalmente automático ou manual, com sete velocidades, reduzindo o consumo de combustível. A linha conta também com as transmissões Durashift manuais de cinco e seis velocidades e automática de quatro velocidades.

 

FORD TERÁ DUAS PLATAFORMAS

MUNDIAIS PARA O FOCUS

 

            A Ford informa que continuará produzindo na América do Sul o atual modelo do Focus comercializado em todos os mercados sul-americanos. Na prática, o modelo Focus terá duas plataformas mundiais diferentes: uma para as Américas, uma vez que o modelo atual continua também sendo produzido e vendido na América do Norte, e outra para a Europa, a partir do lançamento de um novo modelo do carro exibido agora do Salão de Paris.

A plataforma européia é baseada em um modelo diferente, o Volvo V40 e não chegará ao Brasil. Já a atual, consolidada como uma das mais avançadas do mercado, continuará a ser produzida e vendida na região do Mercosul e da América do Norte, onde continuará sendo montada nas fábricas de Pacheco (Argentina), Hermosillo (México) e Wayne (Estados Unidos).

            Essa estratégia tem como objetivo oferecer produtos adequados para cada mercado. A oferta do Focus visa a atender as necessidades de consumidores distintos, considerando as sensíveis diferenças existentes entre as diversas regiões, tanto em termos de segmentação e poder aquisitivo como de condições de rodagem e utilização.

 

Veículo avançado e competitivo

            O Ford Focus produzido na fábrica da Ford em Pacheco, na Argentina, abastece todo o mercado sul-americano. É um veículo moderno e de indiscutível qualidade. Seu painel de linhas futuristas e ergonômicas, por exemplo, é uma referência no mercado.

"Não temos nenhum plano para mudar o nosso modelo atual do Focus, vendido aqui no Brasil e em toda a América do Sul. Além da recente reestilização do design, que foi espetacular, ele ganhou recentemente um atrativo extra com o novo motor 1.6 L, da família Zetec RoCam, de 103 cv. Ao mesmo tempo em que garante excelente desempenho, seu custo-benefício está entre os melhores do segmento. O Focus produzido no Mercosul é um produto vencedor e não temos nenhum motivo para mudar", diz Antonio Maciel Neto, vice-presidente mundial corporativo da Ford Motor Company e presidente das Operações Ford América do Sul e Brasil.

             O Focus sul-americano conta também com a opção do motor Zetec 16V 2.0 L, de 130 cv, e transmissão automática eletrônica. Esses atributos, junto com os aprimoramentos recentes feitos no estilo das duas versões, Hatch e Sedan, dão ao Focus excelente competitividade frente aos seus concorrentes no segmento. A linha 2005, recém-lançada, traz acabamento ainda mais requintado, com novos tecidos de revestimento e insertos de cores diferenciadas no painel. A carroceria oferece duas novas opções de cores perolizadas, cinza Ubatuba e verde Ipanema, e as versões Ghia com transmissão automática vêm equipadas com piloto automático.

            De janeiro a agosto, o Ford Focus vendeu mais de 10.800 unidades no mercado brasileiro e segue uma tendência de crescimento, principalmente devido à boa aceitação da motorização 1.6 L. Em agosto, foi o veículo da marca que mais cresceu, com uma evolução de 23% e mais de 2.000 unidades comercializadas, desempenho que o colocou na liderança do segmento de hatches médios.

 Na Europa

            O Focus apresentado no Salão de Paris, que será produzido na Europa, é diferente também na motorização, incluindo duas opções a diesel, Duratorq TDCi 2.0 L e 1.6 L, esta última equipada com transmissão continuamente variável Durashift CVT, que opera em modo automático ou com sete marchas manuais. Ele oferece ainda três motores a gasolina, 1.4 L, 1.6 L e 2.0 L.

 

Fonte e Fotos: Imprensa Ford
Publicação: Ygor - Staff FiestaHP

Voltar
29/09/2004 - Fiesta HP